G. K. Chesterton – Bem-aventurança e Pobreza

Bem-aventurança e Pobreza

G. K. Chesterton

“Foi comumente em sentido um tanto cínico que os homens disseram: ‘Bem-aventurados os que nada esperam, pois não serão desapontados?’. E foi em sentido inteiramente feliz e entusiástico que São Francisco disse: ‘Bem-aventurados os que nada esperam, pois de tudo gozarão’ “

Fonte: CHESTERTON, G. K. São Francisco de Assis. Campinas: Ecclesiae, 2014, p. 64.

 

Robson Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *