Exame de Consciência das Famílias sobre Sofrimento

Em razão de momentos fortes de oração pessoal e comunitária, proporcionamos outro momento de meditação, desta vez com respeito ao sofrimentoOs outros exames de consciência estão aqui e sua meditação pode favorecer uma renovação nos próprios matrimônios.

1. Entendo que as lágrimas derramadas no meu matrimônio, por amor a Cristo, por Ele serão consoladas?

2. Costumo refletir sobre as coisas que me fazem sofrer, a fim de saber se tal sofrimento é permitido por Deus ou provocado por minhas más escolhas?

3. Procuro ver as dores cotidianas com olhar de transcendência?

4. Estou próximo das dores de meus familiares e amigos, como Nosso Senhor fez com o amigo Lázaro e suas irmãs?

“Felizes os que choram”. Que a dor pela qual passou a Sagrada Família de Nazaré, sempre confiante na Providência Divina, auxilie-nos a compreender a precariedade de toda vida humana. Que a Virgem Santíssima, auxílio dos cristãos, não nos desampare nesse Vale de Lágrimas.

Adoração das Famílias – Mar.2014 – Paróquia São João Batista – Tenente Jardim – Niterói – RJ

Adoração das Famílias – Mar.2014 – Paróquia São João Batista – Tenente Jardim – Niterói – RJ

Robson Oliveira

3 comments for “Exame de Consciência das Famílias sobre Sofrimento

  1. leonardo
    7 de Abril de 2014 at 08:40

    estou tentando ser jentil

  2. Sandra Sodré
    1 de Abril de 2014 at 12:35

    Já pensei muito sobre isso, pois tive um casamento muito infeliz e em consequência disso criei muito mal os meus filhos. A princípio achava que era castigo … depois, com o conhecimento da religião reconheci que nada tinha a ver com castigo e sim com a má escolha que eu havia feito. No tempo em que namorei, não tínhamos muito como conhecer um ao outro… era quase uma loteria mesmo. Se tivéssemos sorte o cara era bom, se não, era puro sofrimento.

    • 1 de Abril de 2014 at 16:17

      Nada de desânimo, viu. Agora você pode escolher “a melhor parte”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *