Hodie non Cras!

A hagiografia dos santos conta que Expedito, ainda militar romano, em crise por causa da sua situação de perseguidor dos cristãos e – ao mesmo tempo – atraído pela coragem, determinação, retidão moral e principalmente pela vida daquele que chamavam de Jesus, adiava o quanto podia sua conversão ao cristianismo. Sabia que no momento em que aceitasse ser batizado em Nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo seus privilégios  seriam cancelados, seus amigos o abandonariam e sua vida estaria em risco. Era neste momento que ouvia, gritada por um corvo, a palavra que marcaria sua vida: hodie non cras!

Ao ouvir o grito do corvo, Expedito interpretava que ainda era cedo para fazer cristão. Pensava ele: hoje não, amanhã – Cras. Conta-se, porém, que São Sebastião era capitão de Expedito. E vendo o militar e seus colegas a firmeza de caráter de seu superior, ele meditou o quanto demoraria até tornar-se mais pronto, decidido e determinado na causa do Evangelho. É quando, diz a lenda, ele muda o lugar da vírgula e afasta definitivamente a tentação, representada pela ave: hoje, não amanhã! Hodie, non cras!

Reprodução

Estamos entrando na Semana mais Santa do ano. É o momento mais importante da história. Momento que foi consumado há dois milênios, mas que todo ano revivemos, com a mesma realidade e dramaticidade. Daqui há alguns dias, o Verbo Encarnado, o Deus Emanuel, será novamente entregue às mãos humanas, estas mesmas mãos que levantam os ramos no Domingo O crucificarão na sexta-feira. Diante deste evento espetacular, diante desse enorme amor de Jesus por nós, como podemos ainda adiar a nossa decisão de sermos todos só dEle? Como podemos ainda deixar para amanhã o que podemos fazer hoje: convertermo-nos, de novo, e novamente.

Senhor Jesus, hoje quero começar uma nova vida. Hoje, não amanhã! Hoje pretendo aproveitar meu tempo para elevar a Vós minhas alegrias, meus sucessos, minhas vitórias. Mas também quero colocar diante Vós minhas tristezas, frustrações, incompreensões. Se há alguém que pode entendê-las sois Vós, Senhor, que tristezas sentistes; que frustrações aguentastes; que incompreensões sofrestes.  Hoje é o dia favorável de minha conversão, hoje o momento da salvação. Salvai-me, Senhor!

Robson Oliveira

1 comment for “Hodie non Cras!

  1. Zaíra Vargas
    18 de abril de 2011 at 09:42

    PÁSCOA hoje, não amanhã. Para o senhor e toda a sua família uma Santa Semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *