Categoria: Blog do Coisa Rúim

Odiado Diabinho…

Recebi um novo email que servirá de aviso aos outros demônios e aos estagiários que chegaram do último concurso, especialmente aos que estão no Regional Centro-Oeste. Deixem que daquele grupo cuido eu! As coisas lá são muito mais complicadas do que parecem e suas incompetências não seriam capazes de compreender a profundidade dos temas abordados, muito menos dos compromissos entre nós firmados. Mas vamos ao texto do estagiário. Seu Coisa Ruim, venho por meio desta comunicar à Vossa Desgracença que…

Não existe esse tal Tradicionalismo “Protestante”

Hoje faz 30 dias de um artigozinho miserável de um dos articulistas católicos mais influentes no mundo: Andrea Tornielli. No dia em que se comemora o nascimento do Emannuel, o homenzinho fedorento da Itália escreveu um artigo mentiroso – e olha que de mentira eu entendo – onde acusa algumas posturas tradicionalistas em voga. Segundo ele, o cerne da questão é: alguns tradicionalistas pretendem colocar-se acima do Magistério. Ora, essa era a postura da Reforma. Logo, um recurso à Tradição…

Missa Sertaneja

Aí as pessoas se perguntam: por que tanta gente procura a Missa “Missa”?? Sem cantoria, sem coreografia, nada, só missa. Por que são uns “sem graça”! Bom mesmo são essas celebrações comunitárias, com muito balançar de braços e palmas. É verdade que parece um show mal feito. Alguns chatos preferem profissionais, pois dizem que são muito rigorosos com a qualidade cultural do que veem. Esses malas falam que essas tentativas de aproximação com o povo desfiguram o religioso, sem ser…

Demônio Fideísta

É um absurdo o que se ouve ultimamente. Em nome da maldade, se pede qualquer coisa: “deixa eu passar no concurso, eu só quero pregar a mentira…”; “ah, eu não vim estudar, só vim aqui ensinar aos homenzinhos a maldade do Coisa Rúim”. Olha só até onde chegamos: utilizam até meu desgraçado nome em vão! Para escândalo de muitos, divulgo um extrato de uma correspondência que recebi recentemente. Outras partes são impublicáveis, já que quase sugerem que eu seja bondoso e…

Formação dos Recém-Concursados – Turma Asmodeus

Como avisei no último post, houve chats de formação nas sextas-feiras passadas. Posto esta conversa que houve entre um dos meus colaboradores mais próximos e dois recrutas recém-concursados. Que todos saibam: aqui não há mais esperança! 15/10/2010 17:34:14 »demônio606 entrou às 17:34:14 15/10/2010 17:34:25 <demônio606> E aí, pessoal! 15/10/2010 17:36:03 <demônio606> … 15/10/2010 17:37:59 »demônio606 saiu às 17:37:59 15/10/2010 17:54:43 »demônio616 entrou às 17:54:43 15/10/2010 17:54:31 <demônio616> Olá… 15/10/2010 17:54:31 <demônio616> Oi?? 15/10/2010 17:55:01 »demônio606 entrou às 17:55:01 15/10/2010 17:54:35 <demônio606> Oi?? 15/10/2010 17:54:40 <demônio616> Fala 606, tudo péssimo camarada??…

Diabinhos confusos em Cachoeira Paulista

Recebi um email importante, de Cachoeira Paulista, e tenho que indicar uma prática útil nesses tempos. Segue parte do texto: (…) Todos estamos muito confusos aqui, seu Coisa Rúim. A gente não sabe o que fazer… Há aqueles diabinhos novatos que garantem que a Canção Nova está do nosso lado; há outros, mais antigos, que recordam a importância desta instituição nestes anos todos. Uns falam de um tal anãozinho da Branca de Neve, que trabalhou muito por aqui.. Seu nome…

Dicas para neutralizar padreco animado

Olá diabinhos!! Recebi um email de um diabinho recém-concursado, querendo saber se posso dar uma palestra ou ajudar na pastoral dos diabinhos nas paróquias onde estão lotados. Reproduzo parte do email para que os que estão em estágio probatório aprendam umas coisinhas: Seu Coisa Rúim, é uma enorme desonra trabalhar para o senhor. Sei que vossa desgracênça trabalha muito, mas a gente gostaria de poder estar recebendo o senhor na nossa paróquia para estar pregando um retiro, estar fazendo uma missa…

Apresentação

Olá, sou eu mesmo, o Coisa Rúim. Mas não um Coisa Rúim qualquer. Sou o Chefe. Não sou o coordenador, nem o gerente, nem o diretor, sou o Chefe. Como alguns já sabem, foi-me negada a Glória de Deus no momento mesmo da minha Criação, quando devia fazer uma escolha entre bens muito semelhantes, aos meus olhos. Devia escolher entre dois amores: o amor de mim, até o esquecimento dEle; ou o amor dEle, até esquecer-me de mim. Fossem essas…