Por que será que os casamentos de hoje não dão certo?

Comentário: O sítio Arguments, mantido por estudantes de comunicação e marketing de uma universidade europeia, divulgou um vídeo, com excelente qualidade, muito bom-humor e alguma crítica ácida ao modo como nossos contemporâneos entendem o enlace matrimonial. Muitas pessoas têm procurado um matrimônio (ou um contrato de coabitação) desse tipo. É difícil não perceber os egoísmos por detrás de uma cerimônia em que só se fala de si mesmos, de seus desejos e de suas próprias pretensões. Não à toa esses contratos de conveniência têm terminado com muito choro e traumas quase incuráveis.

Matrimônio é a doação de duas pessoas inteiras, sem reservas. Afora isso, é só mais uma aventura fadada ao fracasso. Os menos pacientes não completam o primeiro ano; os mais pacientes chegam a comemorar bodas. Mas a duração desse contrato de egoísmos não o torna menos indigno. Afinal, o ser humano é feito para o amor. E amor com data de validade não satisfaz a ninguém, ainda que uns desiludidos e machucados digam que não.


[iframe: width=”420″ height=”315″ src=”http://www.youtube.com/embed/B1KyDyKQ7Bw” frameborder=”0″ allowfullscreen]

5 comments for “Por que será que os casamentos de hoje não dão certo?

  1. Patricia Pedretti
    22 de outubro de 2012 at 11:47

    Falta de apoio e comprometimento nos momentos difíceis, cedem as tentações e não se preocupam em fazer o outro feliz. Não acompanham suas mudanças, não ouvem, não falam na hora certa e são impacientes. Perdem o respeito e deixam de dar carinho. Perdem o contentamento com o simples e maravilhoso prazer de estarem juntas. Assim, o amor falha, o casamento desmorona e a frustração inunda a vida conjugal.Todos querem perfeição, por dentro e por fora, e o amor é como o ser humano, não tem que ser perfeito, e sim verdadeiro. Palavras de quem adoraria uma segunda oportunidade de ser feliz no matrimônio e formar uma família. Só espero, que Deus também queira isso para mim! Amém!

  2. Irmã Priscila
    27 de agosto de 2012 at 14:15

    As pessoas não se casam mais pensando em fazer o outro feliz, mas se preocupam somente com a própria felicidade.

  3. Laila Almeida
    22 de agosto de 2012 at 09:53

    Não dá para entender…meu exemplo, em casa, são 55 anos de matrimônio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *