Curtas sobre Família – 04

Depois do sucesso da JMJ – 2013, depois de testemunhar a vivacidade e a fidelidade de milhões de jovens, depois de comprovar que a maioria dos sacerdotes e dos bispos desgastam-se pelo Evangelho, sim, depois de uma grande semana para a Igreja Católica, temos de descer o monte. E você sabe, cá embaixo tem de tudo.


1. Na Holanda, um conhecido pederasta trabalha para aprovar a pedofilia e a zoofilia nessas terras. O iniciativa é de Adriaan Pieter van den Berg, famoso pedófilo neozelandês, fundador e um dos presidentes da extinta Martijn. Ele criou um novo partido na Holanda, que defende a relação sexual de adultos com crianças e animais: “É a melhor forma de os meninos deixem de ter curiosidade por algo proibido”. Caso se aplique a mesma regra para o uxoricídio ou o parricídio, capaz da Holanda ruir em duas gerações. Segundo o pederasta, é “certo que há pessoas de 10 desejosas de experimentar” sexo com adultos. O partido do pederasta defende mais: a prostituição infantil (!!!) e a participação de crianças em filmes pornográficos. No caso da zoofilia, eles defendem a relação sexual “sem maltratá-los” (sic!). Há outras pérolas, como a legalização de todas as drogas e a evidente relação entre pederastia e homossexualidade.

2. Cidade paulista não quer crescer e trabalha contra famílias grandes. São Caetano do Sul quer manter-se no topo do IDH do país e, para isso, procura opções para não aumentar a população da cidade. Seguindo a cartilha do governo, que demoniza famílias grandes pois derruba um dos pilares do ranking, a renda per capita, o executivo da cidade tem uma política avessa a novas residências. No longo prazo, contudo, estagnação ou depressão populacional gera empobrecimento e decréscimo de negócios.

 

Robson Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *