Tag: Espiritualidade

J. Urteaga – Santificação

Santificação J. Urteaga “Trazes dentro de ti o germe de uma vida humana maravilhosa, em que assentará essa Sobrenatureza – que é a Graça -, a qual fará de ti, não um homem mais, mas um Filho de Deus, com toda a força dos nossos Profetas?” Fonte: URTEAGA, J. O Valor Divino do Humano. São Paulo: Quadrante, p. 12.

J. Urteaga – Pecado

Pecado J. Urteaga “Que pecado terrível cometemos nós, os filhos de Deus, para nos sentirmos sem forças diante dos filhos do demônio?” Fonte: URTEAGA, J. O Valor Divino do Humano. São Paulo: Quadrante, p. 12.

J. Urteaga – Santidade

Santidade J. Urteaga “O mundo necessita hoje de cristãos fortes, de homens leais, trabalhadores; de gente que saiba harmonizar a sua vida de oração com o trabalho diário; que saiba conjugar essa intimidade com Deus e a convivência com seus pais, com seus filhos, como seus irmãos, com seus amigos e mesmo com seus inimigos” Fonte: URTEAGA, J. O Valor Divino do Humano. São Paulo: Quadrante, p. 12.

Santo Afonso Maria de Ligório – Preguiça

Preguiça Santo Afonso Maria de Ligório “O preguiçoso deseja sempre, mas não se resolve nunca a usar os meios próprios a seu estado para santificar-se. Oh! exclama êle, se estivesse num deserto e não nesta casa; se pudesse estar em outro convento, dar-me-ia todo a Deus. E, no entanto, não pode suportar tal companheiro, não pode sofrer a menor contradição, dissipa o seu tempo em muitas ocupações inúteis, cai em mil faltas de gulodice, de curiosidade, de orgulho; e exclama…

Papa Bento XVI – Luz do Mundo

Luz do Mundo Papa Bento XVI “Sim, o mundo é escuro. Mas basta uma única vela para clarear um pouco as piores trevas. Não nos deu Deus uma vela no batismo e fogo para ela? Deveríamos ter coragem suficiente para acender a vela da nossa paciência, da nossa confiança, do nosso amor. Em vez de nos queixar da noite, deveríamos ousar acender a pequena luz que Deus nos deu: Lumen Christi – Deo gratias“. Fonte: Bento XVI. Dogma e Anúncio.…

Formação dos Recém-Concursados – Turma Asmodeus

Como avisei no último post, houve chats de formação nas sextas-feiras passadas. Posto esta conversa que houve entre um dos meus colaboradores mais próximos e dois recrutas recém-concursados. Que todos saibam: aqui não há mais esperança! 15/10/2010 17:34:14 »demônio606 entrou às 17:34:14 15/10/2010 17:34:25 <demônio606> E aí, pessoal! 15/10/2010 17:36:03 <demônio606> … 15/10/2010 17:37:59 »demônio606 saiu às 17:37:59 15/10/2010 17:54:43 »demônio616 entrou às 17:54:43 15/10/2010 17:54:31 <demônio616> Olá… 15/10/2010 17:54:31 <demônio616> Oi?? 15/10/2010 17:55:01 »demônio606 entrou às 17:55:01 15/10/2010 17:54:35 <demônio606> Oi?? 15/10/2010 17:54:40 <demônio616> Fala 606, tudo péssimo camarada??…

Diabinhos confusos em Cachoeira Paulista

Recebi um email importante, de Cachoeira Paulista, e tenho que indicar uma prática útil nesses tempos. Segue parte do texto: (…) Todos estamos muito confusos aqui, seu Coisa Rúim. A gente não sabe o que fazer… Há aqueles diabinhos novatos que garantem que a Canção Nova está do nosso lado; há outros, mais antigos, que recordam a importância desta instituição nestes anos todos. Uns falam de um tal anãozinho da Branca de Neve, que trabalhou muito por aqui.. Seu nome…

Dicas para neutralizar padreco animado

Olá diabinhos!! Recebi um email de um diabinho recém-concursado, querendo saber se posso dar uma palestra ou ajudar na pastoral dos diabinhos nas paróquias onde estão lotados. Reproduzo parte do email para que os que estão em estágio probatório aprendam umas coisinhas: Seu Coisa Rúim, é uma enorme desonra trabalhar para o senhor. Sei que vossa desgracênça trabalha muito, mas a gente gostaria de poder estar recebendo o senhor na nossa paróquia para estar pregando um retiro, estar fazendo uma missa…

Apresentação

Olá, sou eu mesmo, o Coisa Rúim. Mas não um Coisa Rúim qualquer. Sou o Chefe. Não sou o coordenador, nem o gerente, nem o diretor, sou o Chefe. Como alguns já sabem, foi-me negada a Glória de Deus no momento mesmo da minha Criação, quando devia fazer uma escolha entre bens muito semelhantes, aos meus olhos. Devia escolher entre dois amores: o amor de mim, até o esquecimento dEle; ou o amor dEle, até esquecer-me de mim. Fossem essas…