Tag: Hermenêutica

Hans-Georg Gadamer – Consciência Histórica

Consciência Histórica Hans-Georg Gadamer “O aparecimento de uma tomada de consciência histórica constitui provavelmente a mais importante revolução pela qual passamos desde o início da época moderna. O seu alcance espiritual provavelmente ultrapassa aquele que reconhecemos nas aplicações das ciências da natureza, que tão visivelmente transformaram a face de nosso planeta. A consciência histórica que caracteriza o homem contemporâneo é um privilégio, talvez mesmo um fardo que jamais se impôs a nenhuma geração anterior” Fonte: GADAMER, Hans-Georg. O problema da…

Friedrich Schleiermacher – Hermenêutica

Hermenêutica Friedrich Schleiermacher “A hermenêutica jurídica não é completamente a mesma coisa. Ela lida, na maior parte das vezes, com a determinação da extensão da lei, isto é, com a relação dos princípios gerais com o que neles não foi concebido claramente”. Fonte: SCHLEIERMACHER, Friedrich. Hermenêutica: arte e técnica da interpretação. Vozes: Petrópolis, 2000,  p. 29.

Henri Bergson – Compreensão

Compreensão Henri Bergson “Sem dúvida, os problemas de que o filósofo se ocupou são os problemas que se punham em seu tempo; a ciência que ele utilizou ou criticou foi a ciência de seu tempo; nas teorias que expôs poderemos reencontrar, se procurarmos, as idéias de seus contemporâneos e de seus antecessores. Como poderia ser de outra forma? Para fazer com que se compreenda o novo, é forçoso exprimi-lo em função do antigo; e os problemas já colocados, as soluções…

Hans-Georg Gadamer – Compreensão Reprodutiva

Compreensão Reprodutiva Hans-Georg Gadamer “[…] A reprodução é uma interpretação que implica certa compreensão do texto original […] não há intenção de se colocar a atualização do texto à parte do próprio texto. Ao contrário, o objetivo último da propriedade (justesse) parece ser um total extinguir-se na auto-evidência do sentido (Verständnis) do texto” Fonte: GADAMER, Hans-Georg. O problema da consciência histórica. Rio de Janeiro: FGV, 1998, pp. 10-11.

Henri Bergson – Intuição Simples

Intuição Simples Henri Bergson “Separemo-nos desta complicação, remontemos à intuição simples ou ao menos à imagem que a traduz: imediatamente vemos a doutrina libertar-se das condições de tempo e de lugar das quais ela parecia depender” Fonte: BERGSON, Henri. Conferências.  Os Pensadores. São Paulo: Editora Abril, 1973, p. 57.

Hans-Georg Gadamer – Reconhecimento

Reconhecimento Hans-Georg Gadamer “Os reconhecimentos não são uma série de encontros, mas reconhecer significa: conhecer algo como algo que a pessoa já conhece. Perfaz o processo propriamente da ‘Einhausung’ humana – uma palavra de Hegel que uso nesse caso -, que significa que cada reconhecimento liberou-se da contingência da primeira tomada de consciência e elevou-se ao ideal. Conhecemos tudo isso. No reconhecimento está contido apenas que agora se conhece mais propriamente do que se podia na confusão momentânea do primeiro…