Tag: Teodiceia

Hugo de São Vitor – Sabedoria e Bem Perfeito

Sabedoria e Bem Perfeito Hugo de São Vitor  Para o autor, a Sabedoria é bem perfeito porque “ao iluminar o homem, a sabedoria faz com que ele conheça a si mesmo, de modo que, conhecendo-se, deixe de pensar ser apenas algo semelhante a todas as outras cosias criadas, notando que de fato foi criado como ser superior” Fonte: SÃO VITOR, Hugo de. Didascalicon: a arte de ler. Campinas: Vide Editorial, 2015, p. 23.

Santo Tomás de Aquino – Natureza e Graça

Natureza e Graça Santo Tomás de Aquino “A fé pressupõe o conhecimento natural, como a graça pressupõe a natureza, e a perfeição o que é perfectível”. “Fides praesupponit cognitionem naturalem, sicut gratia naturam, et ut perfectio perfectibile” Fonte: TOMÁS DE AQUINO. STh Ia, q. 2, a. 2., ad 1.

Santo Tomás de Aquino – Tipos de Demonstração

Tipos de Demonstração Santo Tomás de Aquino “Existem dois tipos de demonstração: uma pela causa, e se chama propter quid; ela parte do que é anterior de modo absoluto. Outra , pelos efeitos, e se chama quia; ela parte do que é anterior para nós. “Quod duplex est demonstratio. Una quae est per causam, et dicitur propter quid: et haec est per priora simpliciter. Alia est per effectum, et dicitur demonstratio quia: et haec est per ea quae sunt priora…

Reflexões sobre os Padres Apostólicos – Didaqué – III

Continuando o estudo da Didaqué, vamos ao segundo capítulo do documento. Assim os primeiros cristãos descreveram a vida dos primeiras as testemunhas da primeira hora da pequena comunidade cristã: CAPÍTULO II 1 O segundo mandamento da Instrução (Didaqué) é: 2 Não matarás, não cometerás adultério não te entregarás à pederastia, não fornicarás, não furtarás, não exercerás magia, nem bruxaria (charlatanice). Não matarás criança por aborto, nem criança já nascida; não cobiçarás os bens do próximo. 3 Não serás perjuro, nem darás falso…

Fiódor Dostoiévski – Post Mortem

Post Mortem Fiódor Dostoiévski Sobre o post mortem: “Esperaba la nada absoluta y para ello me había alojado una bala en el corazón. Y he aquí que me encontraba en brazos de un ser, no humano seguramente, pero que era, que existía”. Fonte: DOSTOIÉVSKI, Fiódor. Un hombre ridículo. Buenos Aires: Nuevo Siglo, 1995, p. 20.

Papa Francisco – Ecolatria

Ecolatria Papa Francisco “Os bispos do Brasil sublinharam que toda a natureza, além de manifestar Deus, é lugar da sua presença. Em cada criatura, habita o seu Espírito vivificante, que nos chama a um relacionamento com Ele. A descoberta desta presença estimula em nós o desenvolvimento das «virtudes ecológicas». Mas, quando dizemos isto, não esqueçamos que há também uma distância infinita, pois as coisas deste mundo não possuem a plenitude de Deus. Esquecê-lo, aliás, também não faria bem às criaturas,…

Reflexões sobre os Padres Apostólicos – Didaqué – II

Dando início à leitura e comentário da Doutrina dos Apóstolos, também chamada de Didaqué, vamos ao primeiro ponto do documento, que pode ser datado, para alguns historiadores, do primeiro século do cristianismo. Podemos ler no primeiro capítulo: CAPÍTULO I 1 Há dois caminhos: um da vida e outro da morte. A diferença entre ambos é grande. 2 O caminho da vida é, pois, o seguinte: primeiro amarás a Deus que te fez; depois a teu próximo como a ti mesmo.…

Reflexões sobre os Padres Apostólicos – Didaqué – I

O Jubileu do Vaticano II é momento especial para refletirmos sobre as diversas correntes teológicas que conviviam nesse evento eclesial ímpar, cujas consequências já são bem sentidas nesses 50 anos. Dentre as correntes que influenciaram os caminhos do Concílio, havia os que defendiam um retorno às fontes cristãs primitivas: a Nouvelle Théologie. Esse grupo se caracterizaria pelo esforço por retornar às tradições cristãs, para revisitá-la e corrigi-la de eventuais erros; ou para revisitá-la e redescobri-la para os homens do século XX. A…

Jürgen Habermas – Fenômeno Religioso

Fenômeno Religioso Jürgen Habermas “A filosofia precisa levar a sério esse fenômeno como um desafio cognitivo a ser analisado a partir do lado interior” Fonte:HABERMAS, Jürgen; RATZINGER, Joseph. Dialética da secularização: sobre razão e religião. Aparecida: Ideias e Letras, 2007, p. 44.