Tag: Teologia Moral

Beijo gay e machismo: tudo a ver!

Como meus amigos sabem, não vejo novela. E o motivo é político e espiritual: tenho mais o que fazer na minha vida civil e muitos defeitos contra os quais lutar para dedicar, sei lá, 5 horas por dia para algo que não tem nada – absolutamente nada – a me dar, nada que não pudesse encontrar em um romance de Sartre ou Chesterton; Lewis ou Leopardi. Se um dia as novelas brasileiras derem aos espectadores mais que pílulas ideológicas datadas,…

Papa Bento XVI – Sexualidade Humana

Sexualidade Humana Papa Bento XVI “A diferença sexual que conota o corpo do homem e da mulher não é um simples dado biológico, mas reveste um significado muito mais profundo: exprime a forma de amor com que o homem e a mulher, tornando-se como diz a Sagrada Escritura uma só carne, podem realizar uma autêntica comunhão de pessoas, aberta à transmissão da vida e desta forma cooperam com Deus para a geração de novos seres humanos”. Fonte: Discurso aos Participantes…

Otto Hophan – Consciência Laxa

Consciência Laxa Otto Hophan “Não será por termos deformado a nossa consciência que agora já não nos ferem a sensibilidade comportamentos que antigamente nos levavam a um vivo arrependimento? Não estará na nossa cegueira a causa de certas relutâncias em aderir plenamente aos ensinamentos da Igreja em temas de moral conjugal? É uma hipótese que devemos examinar honestamente, com toda a sinceridade. Se Judas tivesse refletido a fundo sobre a origem dos seus espíritos críticos com relação a Jesus, talvez…

Somente a Igreja de Bento e de Francisco pode salvar-nos do pessimismo

Um novo texto do Pe. Anderson Alves, de Petrópolis, publicado primeiramente em Zenit. Pode-se notar, seguindo a meditação do sacerdote, que o fundamento da ética está solapado, se não possui raízes teológicas ou – ele diz literalmente – no ser, isto é, na metafísica. Muitos dos que cedem ao falso pessimismo em relação ao ser, à vida e à Igreja, acabam caindo num falso otimismo em relação à moralidade Roma, 25 de Março de 2013 (Zenit.org) Pe. Anderson Alves O ministério do Papa…

J. Urteaga – Tibieza

Tibieza J. Urteaga “Não basta admirar a obediência das estrelas, nem a humildade dos mortos, nem a firmeza das rochas… Isso é muito, mas a nós – tíbios – diz-nos pouco. Precisamos de um impulso maior. Envia-nos homens como nós, de caracteres diferentes, temperamentos fortes; homens com paixões, com personalidade…, que sejam o estímulo da nossa conduta; homens que se santifiquem no trabalho em que nós trabalhamos” Fonte: URTEAGA, J. O Valor Divino do Humano. São Paulo: Quadrante, p. 167.

Joseph Ratzinger – Pragmatismo

Pragmatismo Joseph Ratzinger “Esse relativismo, que é hoje o sentimento fundamental dos homens ilustrados, penetrando amplamente até mesmo a teologia, é o mais profundo problema de nosso tempo. É também a razão para que a verdade seja substituída pela práxis e, com isso, seja deslocado o eixo das religiões. Assim, o que é verdade não o sabemos, mas sabemos o que precisamos fazer: alcançar uma sociedade melhor, o ‘reino’, como sói dizer-se empregando uma palavra tirada da Bíblia num sentido…

Reinaldo Azevedo, você é bom em política

Pedem-se desculpas aos leitores do Site Humanitatis, por derivarem-se as reflexões nesses dias. Por óbvio, o assunto em pauta tem de ser Bento XVI: sua renúncia humilde, sua oblação silenciosa, seu intrépido coração. Contudo, diante da notícia de um sacerdote infiel na Arquidiocese de Niterói (aqui), os meios de comunicação têm insistido sobre a dispensa da disciplina do celibato para os padres. Outro dia voltar-se-á ao caso do Pe. Emilson Soares para dar informações importantes. Neste texto, entretanto, pretende-se refletir sobre o…

A constância no cinema

Quando era criança, meus pais me ensinaram que ler é muito bom, e sempre me incentivaram a leitura. Apesar de gostar bastante, meu gosto é seletivo, e mesmo com livros bons, às vezes tenho dificuldade para manter esse hábito de forma constante. Por exemplo, já tinha começado a ler o livro sobre a constância pelo menos 2 vezes e, por falta dela, não havia terminado. Em um momento de reflexão, percebi que o desânimo estava me tomando, por causa de…

J. Urteaga – Língua

Língua J. Urteaga “Cuida da tua língua quando o coração estiver ofuscado; a calúnia que sai da tua boca é – diz um provérbio chinês – como quatro cavalos desenfreados que dificilmente se dominam” Fonte: URTEAGA, J. O Valor Divino do Humano. São Paulo: Quadrante, p. 30.

J. Urteaga – Juízo Final

Juízo Final J. Urteaga “Que nunca possamos envergonhar-nos do que dissemos em público, porque chegará o dia em que se julgará toda a palavra. O Verbo Divino e sem mancha julgará sem clemência o verbo cruel e mentiroso dos homens” Fonte: URTEAGA, J. O Valor Divino do Humano. São Paulo: Quadrante, p. 30.